Profetiza, e dize aos pastores: Assim diz o Senhor DEUS: Ai dos pastores de Israel que se apascentam a si mesmos! Não devem os pastores apascentar as ovelhas? Ez.34:2. Ai dos pastores que destroem e dispersam as ovelhas do meu pasto, diz o SENHOR.

21 de dez de 2011

Presente de Natal

Papai Noel existe! Pelo menos para os evangélicos que apoiaram o festival Promessas. Muitos tem defendido a programação com o argumento de que a Globo está agora apoiando os evangélicos. A Globo evangélica? Ela não é mais espírita? Ecumênica? Essa mudança repentina não tem nada a ver com a propagação do evangelho. É IBOPE mesmo. O que vende hoje é cd de artista gospel. e pirata. Como crentes e pastores podem achar que o evento promessas foi uma bênção se o que se viu foi um verdadeiro show mundano? A Globo agora pode se juntar aos evangélicos porque está tudo igual, tudo farinha do mesmo saco. Lá no palco ninguém falou das imoralidades veiculadas pela Globo durante 2011! Como pode ser agradável a Deus com um festival de música gospel de um lado e de outro um reality show depravado como o BBB? Os evangélicos é que estão se unindo ao inimigo, se é que já não estão de braços dados com o diabo.
Por falar em evangelho, que evangelho foi pregado lá no festival? O pseudo evangelho, o diluído em águas turvadas. O que eu ouvi e vi foi um carnaval de carnalidade, humanismo, e business. ... me dá vontade de pular, me dá vontade de gritar, me dá vontade de correr... E em Deus dá vontade de vomitar! Não houve a pregação do evangelho. Não se falou nenhuma vez de PECADO! Nem Uma só. Não se falou de CONVERSÃO! Da morte, vida e ressurreição de Jesus, nada! Tudo é festa.
acredito que a Globo tinha como propósito mostrar a cara do neoevangelicalismo brasileiro moderno, que aceita tudo, de qualquer jeito. Exatamente os que dobraram seus joelhos diante de BAAL. Ainda apareceu um pastor no fim, vendido para vender bíblia. Comercialização da fé. Bom, eu não acredito em Papai Noel, já acreditei quando criança, meus pais na época não eram crentes. Mas infelizmente, os "evangélicos" de hoje acreditam em papai noel sim. Já pendurou sua meia na janela?

9 de dez de 2011

Dança da Cueca Samba-canção



O Pr. Simonton é mais um lamentável exemplo de pseudocrente. Com técnicas modernas de evangelização ele propõe chamar os jovens não pela pregação do evangelho, mas pela dança no palco. Dentre os vários vídeos que todos podem acessar via Internet, esse tem feito sucesso. É a dança da Cueca Gospel! Na realidade essa igreja 'tá mais para uma boate - e das mais depravadas. Mais um triste vídeo sobre "igrejas" e "pastores" postado no vídeos incríveis. Mais uma pseudoigreja travestida de noiva de Cristo.

19 de nov de 2011

Pastores Multimídia

A tecnologia chegou às igrejas! Quem não usa um e-mail para enviar pedidos de oração e gratidão aos irmãos em outros estados ou país? Quem hoje não tem um canal no Youtube ou uma conta em redes sociais como Facebook e Orkut? A tecnologia chega como uma boa aliada do Evangelho, creio.
Não sou contra o uso da tecnologia nos cultos, até porque já usamos como Projetor Multimídia, Mesa de som, Telões, etc.
Quanto aos Tablets creio que faz parte das mudanças da nossa época. Em pouco tempo estaremos com dificuldade de encontrar papel, e ficará bem caro. Muitas empresas nem fazem mais o uso de impressão e enviam tudo via Internet, e-mail, sites, etc. A própria Bíblia já foi "impressa" em pergaminho e papiro. Esses eram os portadores textuais da época. Hoje temos o papel, e agora estamos nos aproximando cada vez mais da tela do computador e dos Tablets.
Acredito que precisamos ser cuidadosos e criteriosos quanto a esse assunto. Não podemos simplesmente fazer de conta que isso não existe. O futuro chegou. Em breve, muito breve, os crentes estarão com os tablets na mão! Precisamos ter cuidado quanto a questão de causar escândalo para o irmão mais fraco. Também precisamos ter cuidado com relação à situação financeira dos irmãos da igreja. Muitos não tem dinheiro nem para comprar uma boa Bíblia de papel, muito menos um equipamento caríssimo como um tablet.
A tecnologia pode ser uma aliada nossa mas tem suas limitações. Já imaginou se sua Bíblia descarrega no meio do culto? - Ei, irmão, posso ler com você que meu tablet descarregou?! Já pensou se no meio do culto o tablet trava? Eh, ele trava também! Só pode ter sido vírus! As igrejas vão precisar mais do que nunca de um irmão especialista no assunto. Já imaginou se um ladrão resolve assaltar a loja de computador, digo, a igreja? Vai levar muitos tablets, o lucro dele vai ser alto e o prejuízo dos crentes maior ainda. Já pensou se o crente em vez de seguir os livros da Bíblia, os versículos que o pastor está lendo e resolve navegar na Internet? E os adolescentes? Cada um com um equipamento desses nas mãos que tanto os fascina? Em que versão os crentes vão ler, já que podem ter todas elas à mão?
Acredito que essas mudanças vão chegar em breve e precisamos nos adaptar e nos preparar para elas, mas por hora eu, particularmente, prefiro pregar com a minha Bíblia de papel, com capa de couro preto, na versão ACF... Quando o futuro chegar, pode ser que eu mude para um tablet... Espero que Jesus venha antes!

10 Razões por que não posso ser Mórmon!

10 RAZÕES BÍBLICAS PORQUE NÃO POSSO SER MÓRMON  1. O Mormonismo não ensina que a Bíblia é a infalível Palavra de Deus. "Cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus até onde for traduzida corretamente; cremos que o Livro de Mórmon também é a palavra de Deus" (Declaração de Fé, artigo nº 8) Na qualidade de crentes que somos, cremos que as Sagradas Escrituras são o Velho e o Novo Testamento, a Palavra de Deus verbalmente inspirada, a autoridade final para a nossa fé e vida, sem erros, infalível e inspirada por Deus ( 2Tim. 3:16, 17; 2Pe. 1:20,21 Mat. 5:18) 2. O Mormonismo ensina que Deus é um homem glorificado e que tem um corpo físico. "Deus mesmo já foi como nós somos agora e é um homem glorificado" (Doutrinas do Profeta Joseph Smith, pág 345). "O Pai tem um corpo de carne e osso tão tangível quanto o dos homens..."( Doutrinas e Convênios Sec. 131:22) A Bíblia diz : "Deus não é homem..." (Num 23:19 ACF). "Deus é Espírito; e importa que os que O adoram o adorem em espírito e em verdade" (João 4:24 ACF) "...um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho..." ( Lucas 24:39 ACF) 3.O Mormonismo ensina que Cristo e o Diabo são irmãos. (!?) "...que Lúcifer, o filho da alva, é nosso irmão mais velho e o irmão de Jesus Cristo" (Doutrina Mórmon por Bruce McConkie, págs 163, 164) A Bíblia diz que o Diabo é um ser que foi criado por Deus. "Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que fostes criado, até que se achou iniqüidade em ti." (Eze. 28:15 ACF). "Porque nEle (Cristo) foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por Ele e para ele. ( Col 1:16 ACF) 4. O Mormonismo ensina que Jesus Cristo era casado e polígamo. "Cremos que o casamento em Caná da Galilélia foi o de Jesus Cristo" (Journal of Discourses, Vol 2, pág. 80). O Mormonismo ensina que Jesus foi o filho natural de Adão e Maria. "Quando a Virgem Maria concebeu o Menino Jesus...Ele não foi gerado pelo Espírito Santo. E quem é o seu Pai? Ele é o primeiro na família humana" (Brigham Young, Journal of Discourses, págs 50, 51). A Bíblia diz: "No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. ...E o Verbo se fez carne e habitou entre nós..." (João 1:1, 14 ACF) "E disse Maria ao anjo: Como se fará isto, visto que não conheço homem algum? E, respondendo o anjo disse-lhe: Descerá sobre ti o Espírito Santo..."(Lucas 1:34, 35 ACF) 5. O Mormonismo ensina que a verdadeira igreja deixou de existir até que foi restaurada por Joseph Smith. A Igreja (SUD) foi restaurada em 6 de abril de 1830 por Joseph Smith ( Doc. & Cov. 20:1) Jesus Cristo disse: "...sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela..." (Mat. 16:18 ACF). "Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo" (1Cor. 3:11 ACF). "Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina" (Ef. 2:20 ACF). 6. O Mormonismo ensina outro evangelho (pervertido) e não aquele da Bíblia. O evangelho do Mormonismo é: A fé o arrependimento, o batismo, o recebimento do Espírito Santo pela imposição das mãos, a moralidade a lealdade, o dízimo, a palavra da sabedoria, o dever, o casamento celestial (por toda a eternidade)" (tratado dos SUD sobre o LIVRE ARBÍTRIO e Declaração de Fé, artigo nº 4) A Bíblia diz: "Também vos notifico, irmãos, o evangelho que já vos tenho anunciado; (vs. 3) ...que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras, (vs. 4) E que foi sepultado e que ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras" (1Cor. 15:1-4 ACF). "Assim como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema." (Gál. 1:9 ACF) 7. O Mormonismo ensina a salvação dos mortos através do batismo por procuração. Esta doutrina se baseia numa só passagem das Escrituras mal-interpretada: "Doutra maneira, que farão os que se batizam pelos mortos, se absolutamente os mortos não ressuscitam? Por que se batizam eles então pelos mortos?" (1Cor. 15:29 ACF) Paulo não praticava o batismo pelos mortos. Ele se excluiu usando o pronome "eles" e não "nós" ou "vós". Ele está fazendo uma pergunta e não uma declaração. "E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo," (Heb. 9:27 ACF). 8. O Mormonismo ensina a investigação genealógica dos mortos. "Vamos, portanto, na qualidade de igreja e povo, como Santos dos Últimos Dias, fazer ao Senhor uma oferta de justiça; vamos apresentar no Seu Santo templo, quando terminado, um livro contendo o registro de nossos mortos, que será digno de toda aceitação" (Doc. & Cov., Sec. 128:24). A Bíblia diz: "Nem se dêem a fábulas ou a genealogias intermináveis..." (1Tim. 1:4 ACF). "Mas não entrem em questões loucas, genealogias e contendas..." (Tito 3:9 ACF) 9. O Mormonismo ensina que existem profetas modernos e revelações divinas atualizadas. O Mormonismo reinvidica que Joseph Smith recebeu o Sacerdócio Araônico de João Batista. O Sacerdócio de Melquisedeque e o Apostolado foram restaurados por Pedro, Tiago e João logo após em 1829 (Doc. & Cov., Sec. 13) A Bíblia diz: "Havendo Deus, antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo."( Heb 1:1-2 ACF). Encontramos em Deut. 18:20-22 o modo Bíblico para testar um profeta. 10. O Mormonismo ensina que a salvação depende das obras e da aceitação de Joseph Smith. Nenhum homem que rejeita o testemunho de Joseph Smith pode entrar no reino de Deus" (Doutrina da Salvação, vol. 1, pág 190.) "Os homens tem uma obra a realizar para obter a salvação" (Doutrinas da Salvação Vol. III, pág. 91) A Bíblia ensina que a salvação é somente através de Jesus Cristo: "E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos" (Atos 4:10-12 ACF). "Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; Não vem das obras, para que ninguém se glorie" (Ef. 2:8-9 ACF)10 RAZÕES BÍBLICAS PORQUE NÃO POSSO SER MÓRMON  1. O Mormonismo não ensina que a Bíblia é a infalível Palavra de Deus. "Cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus até onde for traduzida corretamente; cremos que o Livro de Mórmon também é a palavra de Deus" (Declaração de Fé, artigo nº 8) Na qualidade de crentes que somos, cremos que as Sagradas Escrituras são o Velho e o Novo Testamento, a Palavra de Deus verbalmente inspirada, a autoridade final para a nossa fé e vida, sem erros, infalível e inspirada por Deus ( 2Tim. 3:16, 17; 2Pe. 1:20,21 Mat. 5:18) 2. O Mormonismo ensina que Deus é um homem glorificado e que tem um corpo físico. "Deus mesmo já foi como nós somos agora e é um homem glorificado" (Doutrinas do Profeta Joseph Smith, pág 345). "O Pai tem um corpo de carne e osso tão tangível quanto o dos homens..."( Doutrinas e Convênios Sec. 131:22) A Bíblia diz : "Deus não é homem..." (Num 23:19 ACF). "Deus é Espírito; e importa que os que O adoram o adorem em espírito e em verdade" (João 4:24 ACF) "...um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho..." ( Lucas 24:39 ACF) 3.O Mormonismo ensina que Cristo e o Diabo são irmãos. (!?) "...que Lúcifer, o filho da alva, é nosso irmão mais velho e o irmão de Jesus Cristo" (Doutrina Mórmon por Bruce McConkie, págs 163, 164) A Bíblia diz que o Diabo é um ser que foi criado por Deus. "Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que fostes criado, até que se achou iniqüidade em ti." (Eze. 28:15 ACF). "Porque nEle (Cristo) foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por Ele e para ele. ( Col 1:16 ACF) 4. O Mormonismo ensina que Jesus Cristo era casado e polígamo. "Cremos que o casamento em Caná da Galilélia foi o de Jesus Cristo" (Journal of Discourses, Vol 2, pág. 80). O Mormonismo ensina que Jesus foi o filho natural de Adão e Maria. "Quando a Virgem Maria concebeu o Menino Jesus...Ele não foi gerado pelo Espírito Santo. E quem é o seu Pai? Ele é o primeiro na família humana" (Brigham Young, Journal of Discourses, págs 50, 51). A Bíblia diz: "No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. ...E o Verbo se fez carne e habitou entre nós..." (João 1:1, 14 ACF) "E disse Maria ao anjo: Como se fará isto, visto que não conheço homem algum? E, respondendo o anjo disse-lhe: Descerá sobre ti o Espírito Santo..."(Lucas 1:34, 35 ACF) 5. O Mormonismo ensina que a verdadeira igreja deixou de existir até que foi restaurada por Joseph Smith. A Igreja (SUD) foi restaurada em 6 de abril de 1830 por Joseph Smith ( Doc. & Cov. 20:1) Jesus Cristo disse: "...sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela..." (Mat. 16:18 ACF). "Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo" (1Cor. 3:11 ACF). "Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina" (Ef. 2:20 ACF). 6. O Mormonismo ensina outro evangelho (pervertido) e não aquele da Bíblia. O evangelho do Mormonismo é: A fé o arrependimento, o batismo, o recebimento do Espírito Santo pela imposição das mãos, a moralidade a lealdade, o dízimo, a palavra da sabedoria, o dever, o casamento celestial (por toda a eternidade)" (tratado dos SUD sobre o LIVRE ARBÍTRIO e Declaração de Fé, artigo nº 4) A Bíblia diz: "Também vos notifico, irmãos, o evangelho que já vos tenho anunciado; (vs. 3) ...que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras, (vs. 4) E que foi sepultado e que ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras" (1Cor. 15:1-4 ACF). "Assim como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema." (Gál. 1:9 ACF) 7. O Mormonismo ensina a salvação dos mortos através do batismo por procuração. Esta doutrina se baseia numa só passagem das Escrituras mal-interpretada: "Doutra maneira, que farão os que se batizam pelos mortos, se absolutamente os mortos não ressuscitam? Por que se batizam eles então pelos mortos?" (1Cor. 15:29 ACF) Paulo não praticava o batismo pelos mortos. Ele se excluiu usando o pronome "eles" e não "nós" ou "vós". Ele está fazendo uma pergunta e não uma declaração. "E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo," (Heb. 9:27 ACF). 8. O Mormonismo ensina a investigação genealógica dos mortos. "Vamos, portanto, na qualidade de igreja e povo, como Santos dos Últimos Dias, fazer ao Senhor uma oferta de justiça; vamos apresentar no Seu Santo templo, quando terminado, um livro contendo o registro de nossos mortos, que será digno de toda aceitação" (Doc. & Cov., Sec. 128:24). A Bíblia diz: "Nem se dêem a fábulas ou a genealogias intermináveis..." (1Tim. 1:4 ACF). "Mas não entrem em questões loucas, genealogias e contendas..." (Tito 3:9 ACF) 9. O Mormonismo ensina que existem profetas modernos e revelações divinas atualizadas. O Mormonismo reinvidica que Joseph Smith recebeu o Sacerdócio Araônico de João Batista. O Sacerdócio de Melquisedeque e o Apostolado foram restaurados por Pedro, Tiago e João logo após em 1829 (Doc. & Cov., Sec. 13) A Bíblia diz: "Havendo Deus, antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo."( Heb 1:1-2 ACF). Encontramos em Deut. 18:20-22 o modo Bíblico para testar um profeta. 10. O Mormonismo ensina que a salvação depende das obras e da aceitação de Joseph Smith. Nenhum homem que rejeita o testemunho de Joseph Smith pode entrar no reino de Deus" (Doutrina da Salvação, vol. 1, pág 190.) "Os homens tem uma obra a realizar para obter a salvação" (Doutrinas da Salvação Vol. III, pág. 91) A Bíblia ensina que a salvação é somente através de Jesus Cristo: "E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos" (Atos 4:10-12 ACF). "Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; Não vem das obras, para que ninguém se glorie" (Ef. 2:8-9 ACF)

5 de nov de 2011

TESTE-DRIVE CONJUGAL

Que Deus e a Bíblia são completamente esquecidos pelas celebridades em geral isso não é novidade. Temos visto frequentemente a Palavra de Deus ser pisoteada por essas pessoas. Quanto ao casamento não é diferente. Muitos sites tem sua lista de casados e separados em tempo recorde. Esse casal na foto é um dos maiores exemplos. Britney Spears e Jason Alexander, casaram-se e se separaram em apenas 55 horas. Isso mesmo, 55 horinhas.

Atualmente no México estamos assistindo a um debate sobre o casamento renovável! Dois anos de teste-drive conjugal, se gostar, renova o contrato.

Casamentos assim não são exclusividade os estrangeiros, aqui no Brasil a moda pegou. Famosos que se separaram entre um mês e algum tempo depois. Ronaldo e Cicarelli, 3 meses... Thays Ferzosa e Joaquim Lopes, 1 mês...

O que a Bíblia ensina sobre o casamento?  O casamento é uma instituição de Deus entre pessoas de sexo diferente. O próprio Deus criou o a união entre o homem e a mulher, " Homem e mulher os criou." Gn.1:27.

Essa instituição criada por Deus deve perdurar até a morte de um dos cônjuges. "Portanto, o que Deus ajuntou não separe o homem. " Mc.10:9

O casamento que Deus criou é para a felicidade e apoio mútuo do casal, onde há verdadeiro amor e compromisso até o último momento da vida. "E disse o SENHOR Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele." Gênesis 2:18

"Porque se um cair, o outro levanta o seu companheiro; mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante." Eclesiastes 4:10 .

A Bíblia diz que Deus abomina o divórcio. "Porque o SENHOR, o Deus de Israel diz que odeia o repúdio, e aquele que encobre a violência com a sua roupa, diz o SENHOR dos Exércitos; portanto guardai-vos em vosso espírito, e não sejais desleais." Malaquias 2:16

A igreja evangélica que ama verdadeiramente a Deus e a Sua Palavra jamais vai ceder ao pecado de menosprezar o casamento. Um homem e uma mulher, firmados numa aliança de amor, fidelidade e compromisso até que a morte os separe.

Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho.

Porque se um cair, o outro levanta o seu companheiro; mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante.
Eclesiastes 4:9-10



E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Gênesis 1:27
E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Gênesis 1:27
E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Gênesis 1:27
E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Gênesis 1:27
E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Gênesis 1:27

6 de out de 2011

IMPD: "ofertinha" de R$ 1000 em troca do martelo



Ofertinha de 1.000 reais?! Realmente, para eles que adoram sacar dinheiro do bolso dos infiéis, mil reais é uma micharia. Lamentável que ainda existe gente que acredita.

18 de ago de 2011

Pastor Baby de Crente Carnal


Muitas críticas são feitas ao movimento pentecostal e não é sem motivo. As igrejas pentecostais estão sujeitas a todo e qualquer tipo de mentira satânica exatamente por acreditar que qualquer coisa é de Deus. Não há a preocupação de provar os espíritos se realmente são de Deus. A Bíblia diz em 2 Co.4:4 que satanás se transforma em anjo de luz exatamente para enganar as pessoas que acreditam que falar da luz significa que é a luz de Deus. Mas não é isso que as trevas fazem? Transformam-se em luz?!??!
Uma igreja que aceita um bebê pregando é mais bebê do que o próprio bebê. Isto está escrito em 1 Coríntios 3 em advertâncias aos crentes de corinto, que eram carnais, crianças em Cristo (sem esquecer que muitos ali não eram nem crianças de Cristo). Não há nada de Deus nessas manifestações, aliás os gritos do menino me assustam, parece que está é possesso. Como uma "igreja" pode aceitar uma aberração dessa? Isso é loucura! Isso é cegueira espiritual! Esse menino tem é que brincar de carrinho no quijntal, tomar mingau, e ir para o jardim da infância!
Talvez essa igreja esteja acostumada a ouvir gritos, pulos, gemidos, urros, e tudo mais que vimos essa criatura de quatro anos fazer. Com certeza, ela aprendeu com o papai. Manda ele para a minha igreja que eu coloco ele no canto dele: a sala do berçário, para ouvir histórias bíblicas, pintar cenas bíblicas, decorar versículos. E tudo isso calado, pois numa igreja de vergonha quem prega é o pastor, não o filhinho do pastor. E manda o papai dele também que a gente ensina o verdadeiro evangelho para ele não acreditar mais em choro de nenê.





17 de ago de 2011

Música Gospel? Deus me livre!

        Há alguns anos atrás as igrejas verdadeiramente bíblicas usavam o hinário e alguns "corinhos". As músicas eram de qualidade, na maioria delas, com ensinamento bíblico. Hoje em dia só existe grito, gemido, repetições que mais parecem mantras. Um verso da música é repetido dezenas de vezes! Como se dizia antigamente, até furar o disco. As letras são paupérrimas, cheias de erros doutrinários e heresias. Esse é o cenário da música gospel atual. 

O que atrai as pessoas, principalmente os jovens, não é a música? E a música moderna? O rock, as baladas, ou as músicas em ritmos regionais como o forró? 
As igrejas devem ter o máximo de cuidado para não permitir que esse tipo de música profana, mundana, entre na igreja. Se existe, deve ser banida imediatamente. Como fazer? Leia as orientações no link a seguir:

16 de ago de 2011

Igrejas Inclusivas Incluindo O Pecado

A nova onda é igreja inclusiva. São igrejas que aceitam tudo, inclusive o pecado, ou melhor, principalmente o pecado. O que Deus abomina não importa, o que realmente importa é o que o homem adora. Essas igrejas aceitam o homossexual pois partem do princípio que Deus não condena o homossexualismo, que homossexualismo não é pecado nem doença a ser curada. Mas o que a Bíblia diz é exatamente o contrário. Homossexualismo é pecado, não é doença, mas pecado, afronta contra a santidade de Deus que deixou bem claro que a união de duas pessoas deve ser sempre e exclusivamente entre sexos diferentes. Isso está claro com a criação de Eva para ser companheira de Adão. E em todo o resto da Palavra de Deus vemos a mesma coisa: casamento entre homem e mulher.
Interessante também é a conclusão do doutorado ao afirmar que ser gay dentro de uma igreja conservadora é uma impossibilidade. Isso é óbvio! Nem precisa de doutorado para saber disso! Se uma igreja é conservadora é porque ela não aceita a "modernidade transviada" do mundo. Se me perguntasse eu pouparia ao doutor Marcelo um bom tempo de pesquisa e análise. Diria isso em um segundo. Exatamente porque as igrejas que aceitam o homossexualismo são aquelas que não guardam a Palavra de Deus, os fundamentos, não conservam as leis naturais criadas pelo próprio Senhor Deus.
É importante ressaltar que não há homofobia religiosa nas igrejas conservadoras. O que existe é zelo pelos bons costumes e zelo pela Palavra de Deus. Numa igreja conservadora, o homossexual precisa sim abandonar o pecado, ser um ex-homossexual, e isso acontece com o arrependimento, com a salvação, com o novo nascimento. João 3

31 de jul de 2011

Vídeo que zombou de Jesus foi retirado do Youtube! Já era hora!

Depois de denúncias o vídeo foi retirado do Youtube. O motivo foi por violar a política do site com cenas de nudez e sexo. Mas a realidade vai mais além disso. O vídeo é uma afronta a Deus e aos crentes, aos evangélicos, aos cristãos no geral. O vídeo deveria ser removido sim, mas ter como motivo o preconceito religioso desse movimento blasfemo e imoral. Acredito que devemos continuar na luta contra esse tipo de preconceito que vem do lado de lá contra a igreja. O movimento gay não tem o direito de ofender os crentes com seus atos abomináveis diante de Deus e da sociedade. Pesquisas mostram que mais da metade da população brasileira é contra o homossexualismo. Isso não é preconceito, é posição. Preconceito é fazer chacota do próprio Jesus. Se fazem isso com o próprio Deus o que farão com qualquer pessoa? Parabéns ao Youtube.

27 de jul de 2011

Falsas Igrejas, grandes Negócios


Algum tempo atrás vimos a bênção de Toronto com várias loucuras como essas. Lá, as pessoas urravam com leões, engatinhavam, caiam para trás, etc. Aqui, mais uma vez vemos essa heresia novamente: um culto completamente nojento aos olhos dos homens imagine aos olhos do Deus Santo. Expulsar demônio através de vômito, cuspida, flatulências?!??! Deve ser um demônio muito mal-cheiroso! Fala pro falso pastorzinho aí, que para o culto ficar completo falta só expulsar um demônio através da defecação. Dê o exemplo, pastor!

26 de jul de 2011

Cristo Gay

VÍDEO IMORAL E BLASFEMO! DENUNCIE 
Instruções: Acesse do vídeo diretamente aqui, depois clique no sinal de uma mão em gesto negativo, e depois é só ir escolhendo as opções (incentivo à violência e ao ódio, religião, etc. Depois tem um espaço para comentários. Quando terminar, sinalize o vídeo.

Lembro-me que alguns meses atrás os gays diziam que são bem comportados e educados, o que nunca acreditei. Não há limites para Sodoma e Gomorra! Diziam que jamais se beijariam dentro de um templo religioso. Beijaram-se! E agora estão atacando de frente os evangélicos. Se um crente só ler um versículo da Bíblia que condene o homossexualismo (os quais são muitos) é preso imediatamente, levado à delegacia como se fosse um traficante. Mas os gays podem livremente fazer chacota da religião e - pasmem?! de JESUS CRISTO! Pasmem não, pois isso já é esperado. Eles estão bem resguardados pela leis e pela mídia. O crente é que tome cuidado para não ser preso. Esse vídeo já deveria ter sido retirado do YOUTUBE, pois é completamente imoral, uma pornografia. É, chegou a hora de muitos serem levados a prisões por causa do evangelho, muitos já foram. Que seja, mas nunca vamos aceitar que  ser gay é normal. Ser Gay é PECADO. Homossexualismo é PECADO  e Deus abomina. Um dia todos terão de prestar contas diante de quem hoje eles zombam dessa forma completamente depravada. 

Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará.Gálatas 6:7

7 de jul de 2011

Quer Comprar um Celular?

      Em Fortaleza há uma galeria bem no centro da cidade onde se encontram diversas lojas. Essa galeria de uma década para cá se tornou um local de várias lojas evangélicas onde se vende de tudo. São mais de 10 lojas gospel. Lá encontramos livrarias, locadoras de cd e dvd, óticas, lojas de intrumentos musicais, tudo gospel! Acho que não esqueci de nada. 
Pois bem, antes eu frequentava e achava estranho se vender de tudo que é livro evangélico, desde os conservadores - que era os que eu adquiria - até os mais heréticos dos "evangélicos". Achava esquisito vender também bíblica católica. Vende-se também biscuit e camisetas, botons, adesivos, etc.
Mais recentemente, uma delas resolveu inovar de vez e começou a vender CELULAR! Isso mesmo, celulares! O comércio da fé é um grande filão empreendedor. Tem muito dinheiro para investir em um negócio? Então, pronto, você está feito! Abra uma loja gospel! Venda celular, camiseta, botões, bonés, bateria, violão, pandeiro, atabaques, maquiagem, biscuit, adesivo, cd e dvd, livros heréticos de pseudos crentes, ingresso de show "evangélico, contrate vendedores ecumênicos, e enriqueça. Ah! não esqueça de colocar umas bibliazinhas na prateleira para tirar a suja.

Ativistas gays atacam os cristãos


O que dizer de pessoas que atacam a Bíblia? Chamando-a de MITO? O que dizer de pessoas que acusam Deus de assassinar cem mil mulheres na fogueira? O que dizer de pessoas que aplaudem beijo de gays em praça pública? O que dizer de pessoas que exigem que a igreja pague impostos? Não seria melhor eles próprios pagarem os seus impostos? Não seria melhor eles próprios se negarem a receber benefícios extravagantes como inúmeras passagens de avião, auxílio paletó, auxílio combustível, apartamentos pagos pelo governo? E para os senhores políticos terem conhecimento, as igrejas evangélicas verdadeiras pagam tudo o que é devido e prestam conta, com todos os livros contábeis. Que resposta dar?
A resposta a essas perguntas é uma só: Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Gálatas 6:7

28 de jun de 2011

Sodoma é Aqui

Há alguns anos atrás apenas se falava nessas coisas horrendas mas não se via nada. Passados alguns anos, tudo está se cumprindo como previsto. Paradas gays, beijaços, etc. A depravação chegou às ruas! Homem com homem, mulher com mulher, tem de tudo o que não era pra ter. Deus abomina. Foi exatamente por esse motivo que Deus destruiu Sodoma e Gomorra:
-Ora, eram maus os homens de Sodoma, e grandes pecadores contra o SENHOR. Gn.13:13.
 Os homossexuais de Sodoma queriam abusar até de dois anjos, pois pensavam ser dois homens estrangeiros. E depois quiseram fazer pior com Ló. Este ofereceu suas filhas e eles não quiseram. Claro, queriam homens!
-E antes que se deitassem, cercaram a casa, os homens daquela cidade, os homens de Sodoma, desde o moço até ao velho; todo o povo de todos os bairros.
E chamaram a Ló, e disseram-lhe: Onde estão os homens que a ti vieram nesta noite? Traze-os fora a nós, para que os conheçamos. Gn.19:4,5
O que vivemos hoje tem total apoio de pessoas como Marta Suplicy. De forma ditatorial ela deseja privilegiar os gays e calar os heteros que são contrários à causa gay. Para tanto a senadora quer enclausurar o direito de livre expressão, deixando a "liberdade" restrita aos templos religiosos. Se alguém se opor em qualquer rede social, na web, estará sujeito à sérias consequências. Isso me faz lembrar de países onde os ditadores dizem o que você pode ou não escrever na Internet. Eles bloqueiam sites, facebook, orkut, msn, tranca tudo na lista negra. Mas não conseguem barrar o avanço tecnológico pois sempre alguém consegue furar o bloqueio. 
Um país democrático deve permitir a livre expressão sempre de acordo com a Constituição Federal. Sem nenhuma restrição a não ser a questão do anonimato, etc. 
Pedro e Jõao, mesmo ameaçados, continuaram falando o que Deus havia mandado. Sabiam que tinha que dar ouvidos ao que Deus dizia em Sua Palavra e não ao que os homens estavam obrigando-os a faze: calarem-se! At.4:19

27 de jun de 2011

A Unanimidade na igreja

E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração, Louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar. At.2:46,47

O
s dicionários definem unanimidade como qualidade de unânime, aquilo que é de acordo comum, geral; do mesmo sentimento ou da mesma opinião de outrem, relativo a todos. É exatamente isso que Deus deseja para a Sua Igreja: a unanimidade.
O próprio Deus sempre agiu de forma unânime em Seus propósitos. A trindade unanimemente disse “façamos o homem”.
“E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.”Gn.1:26
Quando o homem pecou desregradamente de novo Ele disse “desçamos e confundamos”. “Eia, desçamos e confundamos ali a sua língua, para que não entenda um a língua do outro. Gênesis 11:7 Nunca houve nenhum resquício de discórdia, de mal-entendido, de sentimento faccioso na Trindade. Não, pelo contrário, sempre houve e sempre haverá unanimidade em suas decisões.
Por isso mesmo, o Deus da unanimidade deseja que Sua igreja seja também segundo a Sua imagem e semelhança na unanimidade.
A unanimidade não é praticada somente por Deus. Os inimigos de Deus sabem ser unânimes sim quando querem realizar seus intentos malignos. Quando eles se juntam para o mal não existe nenhuma discórdia, não há lugar para desentendimentos, para perda de tempo. Pelo contrário, rapidamente entram em concordância para derramar sangue inocente.
“Mas eles gritaram com grande voz, taparam os seus ouvidos, e arremeteram unânimes contra ele.” Atos 7:57
“Porque consultaram juntos e unânimes; eles se unem contra ti: Sl 83:5
A igreja, por sua vez, deixa muito a desejar na questão de unanimidade e muitas vezes o que se vê são debates intermináveis, discórdias, e a igreja nunca chegam a um consenso, não alcança a unanimidade. E perde grandes bênçãos do Senhor.
Graças a Deus temos muitos exemplos na Bíblia para seguirmos quanto à unanimidade. Deus não só deseja como ordena que sejamos unânimes. “Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos” Rm 12:16
A igreja deve ser unânime na obediência à palavra de Deus. “Todo o povo respondeu a uma só voz: tudo o que o Senhor tem falado, faremos.” Ex.19:8. Quando a igreja deve ser unânime? Quando houver uma assembléia? Não! A unanimidade deve existir sempre. Todos perseveram unânimes a cada dia, todos os dias, isto é, sempre. At.2:46.
A igreja deve buscar sempre a unanimidade, pois essa é a vontade de Deus. Mas há casos em que todos nós corremos o risco de fazer o que é errado em busca de uma suposta unanimidade. Micaías teve coragem suficiente para contrariar o rei ao profetizar exatamente ao contrário de tudo o que foi dito antes. Mesmo diante da ameaça ele se manteve fiel, pois não podia ser unânime com o pecado. “E o mensageiro que foi chamar a Micaías falou-lhe, dizendo: Vês aqui que as palavras dos profetas a uma voz predizem coisas boas para o rei; seja, pois, a tua palavra como a palavra de um deles, e fala bem”. 1 Rs.22:13. Nessa hora o crente verdadeiro não se envolve com uma falsa unanimidade, mas se mantém fiel a Deus mesmo quando todo o povo quer ouvir coisas boas que não desagradem o rei.
Devemos ser unânimes também no combate pela fé. A defesa da fé deve ser combatida juntamente com o mesmo ânimo como lemos em Fp.1:27 “Somente deveis portar-vos dignamente conforme o evangelho de Cristo, para que, quer vá e vos veja, quer esteja ausente, ouça acerca de vós que estais num mesmo espírito, combatendo juntamente com o mesmo ânimo pela fé do evangelho.”  A grande alegria do apóstolo Paulo era ouvir que os irmãos estavam unidos num mesmo espírito na batalha do evangelho.
Finalmente, a igreja também deve ser unânime na oração e nas súplicas conforme lemos em At.1:14 “Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas, com as mulheres, e Maria mãe de Jesus, e com seus irmãos.”

25 de jun de 2011

Sodoma e Gomorra

O homossexualismo está sendo disseminado pela mídia de várias formas. Basta ver as novelas como Insensato Coração para ter certeza disso. Não é um uma questão de preconceito, mas de respeito e reverência à Palavra de Deus. A Bíblia é clara ao afirmar que homossexualismo é pecado, pois Deus afirma isso em vários textos. Como diz a entrevistada, não se pode usar um texto fora do contexto. Mas é exatamente isso que ela faz!!! 
Quero saber se ela e a sua esposa (abominação perante Deus) vão tentar fazer um gay ou uma lésbica deixar de sê-lo. Se vão tentar fazer um drogado deixar de ser drogado, um bêbado deixar de ser bêbado, então devem tentar fazer um gay deixar de ser gay. 
Isso não acontece. Os gays são acolhidos por essas igrejas porque eles são gays também. Como um casal de lésbica vai aconselhar outro casal de lésbica a deixar o pecado? A se separar? Elas vão dizer: se é tão ruim assim, porque vocês vivem juntas? 
Então gostaria de saber qual é o contexto correto de Romanos 1:26,e 27. 



Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.
O texto é claríssimo. Deus condenou homem casar com homem e mulher casar com mulher. Não existe outra interpretação, a não ser a interpretação de que Deus não é Deus. Que a Bíblia é um livro de homens, etc. A verdadeiras igrejas evangélicas jamais vão acolher o pecado dentro dela, mas retirá-lo, expulsá-lo. Um gay não vai ser expulso das igrejas originais só por ser gay, ele tem o direito de entrar, assistir o culto, e a oração dessa igreja deve ser pela conversão dele. O problema é aceitar um membro gay, etc. 
As igrejas evangélicas verdadeiras não são homofóbicas no sentido de odiar um homossexual, escorraçá-lo, mas jamais aceitará casamento homossexual dentro ou fora da igreja, pois o que Deus ensinou deve ser cumprido cabalmente. Se há verdadeiro arrependimento e mudança de vida é certo que será aceito.


24 de jun de 2011

As Verdadeiras Tradições da Bíblia


     Estamos cercados por tradições. E muitas vezes, ou sempre, pensamos nelas de forma negativa. Podemos até chegar a dizer que toda tradição é errada, é pecado. O Senhor Jesus combateu duramente a tradição. Mas qual delas? Jesus combateu com firmeza e autoridade a tradição dos homens. "    invalidando assim a palavra de Deus pela vossa tradição que vós transmitistes; também muitas outras coisas semelhantes fazeis." Mc.7:13.
     O próprio Deus, no entanto, deixou tradições para guardarmos, as Suas tradições."Portanto, assim como recebestes a Cristo Jesus, o Senhor, assim também nele andai," Gl.2:6. Essa é uma das tradições de Deus, e devemos andar por ela.
     Em 1 Co 15:3, lemos que Paulo PRIMEIRAMENTE,entregou o que também havia recebido. Devemos permanecer no Evangelho que recebemos e repassar tal qual aprendemos: "Porque primeiramente vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras". Muitos hoje em dia querem dar uma nova aparência para o Evangelho, torná-lo mais agradável, mais "acessível", contudo, o que eles conseguem é modificá-lo com tradições humanas, as quais Deus condena severamente.
     Em 2 ts 3:6 vemos que a tradição de Deus inclui a nossa separação daqueles que andam de forma que não agrada a Deus. "mandamo-vos, irmãos, em nome do Senhor Jesus Cristo, que vos aparteis de todo irmão que anda desordenadamente, e não segundo a tradição que de nós recebestes." A tradição recebida é andar de acordo com o padrão do Senhor. "Porque vós mesmos sabeis como deveis imitar-nos". 
      Deus usa uma linguagem militar quando se refere àquele irmão. Andar desordenadamente é andar fora da fileira militar, ao lado, fora do ritmo que o batalhão deve manter. Não é assim que o crente deve se portar!
     Temos realmente andado na fileira? Às vezes perdemos o compasso? Que Deus nos ajude a andar na "fila" do jeito que Lhe agrada.
     O apóstolo Paulo lembra de como ele era zeloso na tradição dos pais, excedendo em judaísmo a muitos da idade dele. Gl.1:14. Mas isso era uma vã maneira de viver. 1 Pe 1:18. O que importava agora, depois de separado por Deus e chamado pela Sua graça era pregar o Evangelho entre os gentios. Gl 1:16. Essa é a tradição que devemos ensinar: a pregação do autêntico Evangelho.
     Vamos, irmãos, continuar nesse ano com o mesmo objetivo do apóstolo Paulo, ensinando e pregando a doutrina dos apóstolos, que é o Evangelho sem acréscimo, sem palavras de sabedoria para que a cruz não se torne vã. 1 co 1:17  
     "e perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no  partir do pão e nas orações." At 2:42.
     Essa é a tradição pela qual devemos andar: a tradição de Deus!

Pr. Victor

9 de jun de 2011

Vida Devocional

VIDA DEVOCIONAL

     A Bíblia é o livro mais importante que alguém pode ler. Um relacionamento significativo com o Senhor depende de ouvirmos e entendermos o que Ele está compartilhando conosco.
1. Deus nos fala por intermédio de Sua Palavra (II Timóteo 3:16)
2. Ao ler a Bíblia, obtemos melhor conhecimento de Deus (João 5:39)
3. Nossa fé aumenta pela leitura da Bíblia (Romanos 10:17)
O objetivo da leitura bíblica é permitir que Deus fale ao seu coração e que você desfrute da comunhão com Ele. Este objetivo não será alcançado se você ler muito depressa ou sem concentração.
O que é devocional diário?
Devocional é aquele período do dia que separamos para um encontro com Deus. É um período no qual desfrutamos da Sua comunhão, louvando-O, cultuando-O, orando e lendo a Bíblia.
Os objetivos da devocional diário são:
- desfrutar da comunhão com Deus;  - agradar a Deus;
- descobrir princípios pelos quais devemos viver e dirigir nossas vidas;
- desenvolver perspectivas de vida de acordo com o ponto de vista de Deus.
Perguntas aplicáveis a leitura bíblica, para que suas verdades possam ser colocadas em prática:
- O que o texto me ensina a respeito de Deus e de Jesus Cristo?
- Há algum pecado que devo evitar ou confessar?
- Há alguma promessa que devo reivindicar?
- Há algum mandamento a ser obedecido?
- Há algum exemplo a ser seguido?
- Há neste texto alguma coisa pelo qual devo orar hoje?
- Há algo que foge a minha compreensão e deve ser estudado mais tarde?
- Como posso aplicar a minha vida o que aprendi neste texto?
Sugestões práticas para orientar sua devocional diária:
1- Separe um tempo permanente e diário para passar com Deus. (Sl 5:3)
2- Separar a mesma hora diariamente, de acordo com a sua possibilidade. O melhor horário é quando você ainda está descansado e sua mente está clara.
3- Se perceber que naquele momento não tem tempo suficiente, é sinal que está mais ocupado do que Deus gostaria que estivesse. Reorganize suas atividades para ter um encontro diário com Deus.
4- Encontre um lugar a sós com Deus, livre de distrações. (Mc 1:35)
5- Peça a Deus que sonde seu coração. (Sl 139:23,24)
6- Confesse todo pecado que lhe for revelado pelo Espírito Santo. (Sl 32:1-5)

14 de mai de 2011

Latino Gospel

      Depois de cantar as orgias no apê, Latino quer cantar na igreja. Isso é o que ele mesmo declarou em entrevista ao falar dos seus planos para o futuro: produzir gospel music! Mas logo de cara o "artista" diz que não quer ser evangélico, só quer ganhar em cima dele! Isso é que é sinceridade (oportunismo). Sinceramente, não sei o que é pior, Latino compondo gospel ou as músicas depravadas que sempre produziu. Na verdade, pior mesmo é compor gospel sem ser evangélico. Mas infelizmente, não há muita diferença entre o Latino e a maioria dos compositores e cantores gospel do momento. 
Acredito na conversão de celebridades do mundo, e acredito que Latino possa sim um dia se converter ao verdadeiro evangelho, mas no momento isso não vai acontecer já que ele diz não querer ser evangélico. Para ser igual ao muitos que são crentes hoje é melhor mesmo nem ser. Mas o pior mesmo de tudo é quando o Latino deixa bem claro que quer entrar nesse filão para ganhar terreno. (leia-se dinheiro). Vai lá, Latino, faça suas composições gospel - deve ser pior do que as bobagens que escreve - faça shows, arrebanhe muita gente (na verdade bodes) mas não esqueça que um dia Deus vai pedir contas de tudo que você fez aqui na terra. 


Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Gálatas 6:5

5 de abr de 2011

MAMATA GOSPEL

Tudo em família! Por que "crentes" com tanto dinheiro no bolso - talvez na cueca também - não podem pagar seus passaportes como qualquer outro cidadão brasileiro? Por que tem que se beneficiar de "brechas" na lei para proveito próprio? A resposta é clara: Status e economia!!! Desse modo eles tem o privilégio de ser VIP e ainda deixa de gastar seu dinheirinho, que aliás é muito pouco, né?
Lamentável esse tipo de notícia. Por que os patrocinadores não "bancam" o passaporte? Por que a igreja mesmo não arca com as despezas já que o "pastor" está a serviço dela? Ora, quando se trata de dinheiro, eles são rápidos para sacá-lo do bolso de coitados desavisados, incrédulos, mas com uma falsa fé tão grande que chega a fazer qualquer coisa que lhes peçam. Quando, no entanto, se trata de desembolsar alguma verba, mesmo que seja tão irrisória financeiramente como a da viúva pobre, eles são lentos, mas lentos que uma tartaruga com paralisia. Interesse do país? Explique o que significa isso a esse pobre pastor do Ceará que anda de ônibus, tem um vale eletrônico (legítimo) e que não se beneficia do que não lhe é lícito ou do que não é transparente? Com certeza as contas da Igreja Internacional da Graça de Deus é mais obscura do que a lista não divulgada da concessão de passaportes especiais do Senado Federal.

5 de mar de 2011

Socos e água benta


Uma atitude lamentável que esse padre (padre?) tomou! Será que ele sofreu alguma penalidade ou o superior passou a mão na cabeça dele? Não é isso que sempre é feito na Igreja Católica? Encobrir ou negar o pecado dos sacerdotes?

4 de mar de 2011

Lâmpada consagrada e banho de luz. Mais uma "boa" ideia da indústria da ...


Não há limite para a criatividade herética da Universal do Reino de deus. Sempre procurando uma novidade antibíblica para enganar as pessoas. Mas quem acredita nessas mentiras que chegam a ser hilárias se não fosse uma tragédia, merece mesmo é sofrer e perder tudo o que tem. A Universal é o CRACK da religião. Da falsa religião.

25 de fev de 2011

LEI JOSÉ DA PENHA



A justiça humana procura proteger as pessoas criando leis que são boas e necessárias. A Lei Maria da Penha é uma delas. Mas não consigo entender como uma lei criada para a proteção das mulheres contra maridos violentos pode ser usada para dois homens?! Não seria melhor usar outra lei? Agressão física? atentado à integridade física? A Bíblia diz que é abominação um homem ter outro homem como cônjuge! Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é; Levítico 18:22. 
Também a lei de Deus não permite o casamento ou união civil, ou homoafetiva, seja lá o que for entre pessoas do mesmo sexo. "Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro." Romanos 1:26,27.
Realmente agora vão ter que criar a lei JOSÉ DA PENHA. E mais uma vez vão pisar na Lei de Deus.

22 de fev de 2011

Culto Barulhento Causa Morte de Pastor.

Fato muito lamentável. Notícias como essa são muito tristes. Mas algumas vezes postei aqui no blog sobre esse assunto, o barulho de muitas igrejas evangélicas (na maioria pentecostais e neo-pentecostais). O som que deveria ser o suficiente para as pessoas do ambiente ouvirem, ultrapassa em muito o índice de decibéis permitido por lei. São muitos os casos de denúncias feita aos órgãos responsáveis por causa desse exagero. É preciso pensar nisso, pois a igreja não deve ser motivo de denúncias na comunidade. Esperamos que as autoridades competentes deem a devida pena ao criminoso e que casos como esse não venham mais a acontecer. E que as igrejas respeitem a lei do silêncio.

14 de fev de 2011

Ana Paula Valadão e Padre Fábio de Melo: Uma dupla ecumênica



Todos nós já sabemos que o Ministério Diante do Trono já está há muito tempo DISTANTE do Trono de Deus. O ecumenismo da Ana Paula é explícito. Não me refiro a ela receber o Pe. e conversar com ele, abraçá-lo, nada disso. Refiro-me às declarações completamente ecumênicas que ela tem dado e comprovado na prática com vídeos como esse. A Bíblia diz: "Andarão dois juntos se não houver entre eles acordo?" Amós 3:3. "Precisamos pensar nos que nos une e não nos que nos separa?".
O discurso do Pe. Fábio (http://www.imbitubagospel.com.br/capa/?p=1112) não é o mesmo do Papa atual! Ele não diz: Se vc católico quiser ser evangélico, tudo bem, se ouvir uma mensagem de um pastor lhe faz bem, então, vá, seja feliz, Deus te abençoe, temos o mesmo Deus! O papa simplesmente que parar a qualquer custo a sangria de católicos para a "igreja evangélica" - creio que na maioria sejam igrejas com sérios problemas doutrinários tanto quanto o catolicismo. Mas a Ana e o Fábio se unem nessa causa. Infelizmente, o DT vai para a Heresias.

29 de jan de 2011

Casa Pastoral para Gays e Lésbicas

      Antigamente quando se dizia que ia na casa do pastor, se encontrava o pastor e a esposa do pastor. Hoje em dia quando se diz que vai a casa do pastor, se encontra o pastor e o marido do pastor, ou a pastora e a mulher da pastora. (pastorado feminino não existe na Bíblia). Não é esse o quadro que estamos vendo na atualidade? As casas pastorais, mantidas pela igreja, recebiam como moradores uma família, ou seja, um homem, uma mulher (casados de papel passado), e seus filhos. Vejam como as coisas mudaram.        Na Alemanha já existe casa pastoral - paróquia, para casais homossexuais. 
Antigamente quando se aconselhava casais com problemas de relacionamento, o pastor se reunia com os dois, para orientar, orar, e em muitas ocasiões o pastor falava com o marido e a esposa do pastor orientava a mulher. Como dois homens pode fazer isso? Como um homem, vai aconselhar uma mulher? Ou como uma mulher vai lésbica vai aconselhar um homem? Os crentes no Senhor Jesus não deixarão de denunciar o erro, a apostasia, ou as abominações. vários são os textos bíblicos que condenam enfaticamente o homossexualismo. Cito alguns:
- Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio macho e fêmea os fez, Mateus 19:4
Por isso deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á a sua mulher, Marcos 10:7
Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é; Levítico 18:22
ão erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus. 1 Coríntios 6:10

Esses textos são completamente desconsiderados pelos que advogam a causa homossexual na igreja. Existe uma outra interpretação para textos tão claros? Não tem desculpa. Só para os descrentes e instáveis, que deturpam a palavra de Deus com o fim de enganar os incautos. As igrejas originais bíblicas não aceitam nenhum tipo de perversão sexual. Podem fazer lei, comprar juiz, mudar a constituição, o que seja, não aceitamos a abominação dentro da igreja.

MAPA INTERATIVO DO IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) lança o Mapa Mundi Interativo. No mapa se pode escolher a língua (inglês, português ou espanhol), e todas as demais informações como população, história do país, economia, indicadores sociais, meio ambiente, e objetivos do milênio além de várias outras informações. O mapa pode ser uma ferramenta útil para quem deseja informações sobre os países (informações missionárias), pois no histórico lemos várias informações também sobre a religião daquele local.

21 de jan de 2011

Software para Estudos Bíblicos



apóstolo virtual Software da Bíblia com função ZOOM para leitura, Corrigida Fiel
e-sword Software da Bíblia com hebraico e grego.
the word software da Bíblia com várias versões, hebraico, grego, e manuais de pesquisa.

     As duas estão em inglês mas é possível baixar programas com português. Esses materiais são muito úteis para quem ainda não tem seu material impresso. Lembrando que só é possível fazer downloads de softwares free (gratuitos). 

Criança Gay


Situações como essa são cada vez mais incentivadas pelas familias e agora estão buscando apoio nos profissionais (médicos, psiquiatras). A familia jamais deveria incentivar seu filho a ser mulher, muito pelo contrário, dizer que ele é homem e deve viver como tal. Esse vídeo mostra o quanto a sociedade caminha para o fim, já estamos vivendo o caos moral profetizado na Palavra de Deus, caos esse que aumenta assustadoramente a cada dia. Lamento tal situação mas só nos resta pedir a Deus que tenha misericórdia dessas pessoas.
Qualquer dia desses o filho de 5 anos vai pedir para ser serial killer e os pais vão dizer: Tudo bem filhinho, você pode ser o que você quiser, no seu aniversário vamos lher dar uma metralhadora carregada para você fuzilar todos os convidados na hora de cantar os parabéns.

19 de jan de 2011

Ative a profecia para liberar o destino e transferir a unção.


Já faz algum tempo que venho denunciando as heresias da Bola de Neve. Tenho até recebido comentários dizendo que não posso julgar ninguém. Essa história de não julgue para não ser julgado não é bíblica. Deus nos manda julgar, fazer juízo. O pecado acontece quando alguém faz um juízo temerário, mal-intencionado, aí sim, cabe o que Jesus disse. Quanto à essa "igreja" não preciso me preocupar se estou fazendo um juízo errado, pois basta ver o cartaz do curso deles mesmo. São eles que estão dizendo que são hereges, e não eu!  Ativação profética? O que é isso? Onde tem na Bíblia? Liberação de destinos? é reza para destrancar rua? Como se faz na macumba? Já vi transferência de carro, de casa, mas de unção?
Que Deus tenha misericórdia..

18 de jan de 2011

Igreja-Bar?

Imagine se a moda pega aqui no Brasil? O grande problema disso tudo é a tentativa de trazer as pessoas a Deus de qualquer modo. Tudo passa a ser bom se o resultado for conversão de almas. É aquela velha heresia, pragmática, que justifica o pecado afirmando que o fim justifica o meio. 
Usar determinada passagem bíblica para afirmar um comportamento é errado se não passar pelo teste da exegese e da hermenêutica. E a Palavra de Deus está acima de qualquer cultura humana. Eles dizem: "Bom, já que Jesus bebeu vinho e foi a casamentos, então não tem nada de mais abrir uma Bar-igreja!".
Na Bíblia não temos tal idéia. Jesus nunca cogitou isso por ser completamente errado. O Senhor Jesus não tentou agradar os homens, fazendo exatamente aquilo que eles gostam, mas os provou, os provocou a um arrependimento. Jesus não disse: "Esse povo não quer ouvir falar de Deus, então vou tomar umas e outras com eles, fazer uma festa, assim eles virão!". Muito pelo contrário - Jesus desafiou seus discípulos a deixá-los se a intenção deles era apenas entretenimento, ou se aproveitar das "bênçãos". Desde então muitos dos seus discípulos tornaram para trás, e já não andavam com ele. 
O que a igreja precisa é pregar o autêntico evangelho e não buscar formas humanas e anti-bíblicas para atrair as pessoas. Será que o dono do bar teria coragem de tirar a cervejinha deles? Será que eles ficariam sem a cervejinha? Claro que não. É a cerveja quem os atrai e não o Senhor Deus.

17 de jan de 2011

Homossexualismo - Uma análise bíblica


1 Coríntios 6:9-10


por Brian Schwertley







Esta é uma era de crescente aprovação e aceitação do homossexualismo. O homossexualismo é retratado por muitos no governo, na educação pública e em nossas escolas e universidades como apenas um dos muitos modos normais e legítimos de viver. Aqueles que se opõe ao estilo de vida homossexual sob uma base moral e religiosa são normalmente retratados pela elite intelectual, a mídia e a indústria do entretenimento como fanáticos ignorantes que estão cheios de ódio, “homofóbicos,” e por aí vai.


É verdade que muitas pessoas odeiam homossexuais. Alguns até se envolvem em atos de violência contra gays. Mas é preciso lembrar que as pessoas que se envolvem em tais atividades estão pecando contra Deus; eles não estão de todo vivendo de acordo com a lei de Cristo. O verdadeiro cristão ama o homossexual e mostra isto pela forma como o trata, de uma maneira correta, de acordo com a lei de Deus (1Jo 5.3). Calúnia, violência, ódio e desprezo nunca deveriam ser atitudes de um cristão contra homossexuais; os cristãos devem proteger os homossexuais de ataques pessoais. Todavia, enquanto os cristãos devem amar os homossexuais tratando-os corretamente, eles também devem amá-los sendo biblicamente honestos para com eles. A atitude de alguém contra o homossexualismo não deve ser moldada por nossa cultura pagã e variável, mas pela revelação inspirada e infalível de Deus, a Bíblia. A Bíblia oferece esperança ao homossexual porque ela fala a verdade e proclama perdão dos pecados por meio de Jesus Cristo.

A Criação da Ordenança do Casamento


Ao invés de se ter um entendimento próprio da sexualidade humana, é preciso voltar à origem da humanidade. No princípio Deus criou um homem (Adão) e uma mulher (Eva). Deus não criou dois homens (e.g., Adão e Antônio) ou duas mulheres (e.g., Eva e Tereza). Deus criou primeiro Adão do pó da terra; Então criou Eva da costela de Adão. Eva foi criada para ser esposa de Adão. A Bíblia diz que eles estavam nus e contudo não se envergonhavam. A criação de Deus de um homem e uma mulher para serem marido e esposa é o padrão ou paradigma para a sanção de Deus das relações sexuais normais, morais e abençoadas. “A união do matrimônio é ordenada por Deus, e estes preceitos sagrados não devem ser poluídos pela intromissão de uma terceira parte, de qualquer sexo” (F.F. Bruce).

Jesus Cristo citou Gênesis 2.24 como uma prova clara de que a poligamia (ter mais de uma esposa) e o divórcio (exceto em caso de adultério) são condenados por Deus (Mt 19.5). O apóstolo Paulo, escrevendo sob inspiração do Espírito Santo, disse que há somente uma saída moral e legítima para o caminho deixado por Deus para o sexo – o casamento (1Co 7.2). Monogâmico e heterossexual, o casamento é a única maneira de se ter sexo sem pecado e culpa. “Honrado entre todos seja o matrimônio, e o leito [matrimonial] sem mácula; mas Deus irá os fornicadores e adúlteros” (Hb 13.4 [todas as versões NKJV]). Qualquer coisa contrária a ordenança da criação do casamento entre um homem e uma mulher é pecaminoso e inaceitável perante Deus. A Bíblia condena toda atividade sexual fora do casamento monogâmico e heterossexual: homossexualismo, sexo antes do casamento, poligamia, adultério, bestialismo e assim por diante. “Não deixeis que vos enganem com palavras vãs,” diz Paulo, “porque é em razão destas coisas sobrevêm a ira de Deus sobre os filhos da desobediência” (Ef 5.6).

A Lei de Deus


A lei moral de Deus claramente condena todo tipo de homossexualismo: “Não te deitarás com um homem como se fosse uma mulher. Isto é abominação… Se um homem se deitar com outro homem, como se fosse mulher, ambos praticaram coisa abominável. Devem ser mortos. Seu sangue cairá sobre eles” (Lv 18.22, 20.13). Defensores do homossexualismo tentam evitar as claras e inequívocas declarações da lei de Deus com desculpas esfarrapadas e descarada distorção da Bíblia.

Alguns questionam se a lei de Deus condena o homossexualismo; eles ensinam que a lei de Deus é só um escrito humano com antigos costumes judaicos preconceituosos. Essas pessoas condenam a autoria mosaica da lei e são relativistas éticos. Seus argumentos devem ser rejeitados porque Cristo e os apóstolos aceitaram a autoria divina, infalibilidade e absoluta autoridade do Velho Testamento (Mt 22.39-40; Jo 10.35; 2Tm 3.16-17). Se você rejeitar a lei de Deus alegando que ela não passa de idéias humanas de judeus antigos, então você não pode reivindicar que Cristo é seu salvador. Você deve pensar que ou Jesus se enganou em Sua visão da lei de Deus ou que Ele era um mentiroso. Não esqueça: Jesus Cristo é Deus (Jo 1.1; 8.58-59); Ele não pode se enganar ou mentir (Nm 23.19).

Outros ensinam que as leis que condenam o homossexualismo se aplicavam somente à nação de Israel. As leis do Velho Testamento caducaram com a vinda de Jesus Cristo. Essa visão é popular entre aqueles que reivindicam ser “homossexuais evangélicos.” Essa visão é totalmente anti-bíblica. Quando o Novo Testamento diz que os cristãos estão mortos para a lei, significa que Cristo cumpriu a lei (o pacto das obras) pelos crentes, e removeu a maldição da lei por meio de Sua morte sacrificial. Cristãos que estão unidos a Jesus Cristo em Sua vida perfeita sem pecado e Sua morte sacrificial são elevados com Cristo e capacitados por Seu Espírito a viver para Deus. Paulo disse que “a lei é santa, e o mandamento santo e justo e bom” (Rm 7.12). Cristo não liberta da lei moral. Ele obedeceu a ela perfeitamente para os crentes. Ele morreu para remover a culpa do pecado e enviou o Espírito Santo para que os crentes tenham poder para obedecer à lei de Deus. Se Cristo abolisse a lei no sentido que os apologistas do homossexualismo afirmam, então Ele precisaria morrer, porque se não há lei, não há pecado nem culpa. As únicas leis que não possuem mais validade são as que estão atreladas especificamente à terra de Israel (e.g., o jubileu) e as leis cerimoniais. As leis cerimoniais apontavam para Jesus Cristo e Sua obra por meio de tipos e figuras. A lei moral de Deus e o caso das leis civis baseadas sob a lei moral ainda estão em vigor. A lei de Deus é baseada sob Sua natureza e caráter; portanto, é absoluta, imutável e eterna.

É óbvio que a proibição contra o homossexualismo nada tem a ver com o sistema sacrificial; ela claramente não é cerimonial em sua natureza. Além do mais, se as leis contra o homossexualismo foram somente restritas à nação de Israel, então porque o homossexualismo é condenado em Sodoma, cerca de quatrocentos anos antes de a nação de Israel existir: “como Sodoma e Gomorra, e as cidades circunvizinhas, que, havendo-se entregado à imoralidade sexual e seguindo após outra carne [homossexualismo], foram postos para exemplo, sofrendo a vingança do fogo eterno” (Judas 7)? Embora Sodoma fosse genericamente caracterizada pela maldade, Gênesis 19 apresenta o homossexualismo como o último estágio da devassidão. Os homens de Sodoma desejaram ter relações homossexuais com os convidados de Ló e estavam dispostos a estuprá-los, se necessário. Deus enviou total destruição sobre Sodoma. Sodoma não foi destruída porque seus habitantes não eram hospitaleiros, como alguns afirmam. Simplesmente não ser hospitaleiro não explicaria um tal julgamento de Deus. Deus aniquilou a cidade; somente Ló e sua família foram poupados.

Alguns apologistas do homossexualismo argumentam que a lei de Deus condena somente a prostituição ritual masculina. Eles argumentam que o moderno homossexualismo não tem nada a ver com o homossexualismo pagão e idólatra praticado nos tempos antigos. Deus claramente condena a prostituição masculina e os ritos culticos de fertilidade associados a ela; Deuteronômio 23.17-18 se aplica à prostituição cultica. Mas Levítico 18.22 e 20.13 não mencionam a prostituição cultica em lugar algum. “se um homem se deitar com outro homem como se fosse mulher, ambos cometeram abominação. Devem ser mortos. Seu sangue cairá sobre eles” (Lv 20.13).

A tentativa de consolidar todas as proibições contra o homossexualismo dentro de algo que somente concorde com a antiga prostituição cultica revela um óbvio viés pró-homossexual por parte destes intérpretes. Eles forçam o texto bíblico à um molde pró-homossexual. Eles estão sendo desonestos com a clara intenção da Palavra de Deus. Eles estão lendo suas próprias pressuposições pró-homossexuais na lei de Deus. É ilegítimo condensar três proibições distintas (Lv 18.22, 20.13; Dt 23.17-18) em apenas uma. Interpretes pró-homossexuais sabem disto mas não se importam, porque eles não estão interessados na verdade; eles estão interessados somente em justificar seu comportamento mau e pervertido. Além disso, sua interpretação pode ser usada para justificar a relação sexual com ovelhas e cabras, porque a bestialidade também era parte dos ritos culticos de fertilidade. Não se engane. Deus é contra o homossexualismo em todas as suas formas, tanto ritual quando pessoal.

Os argumentos em favor do homossexualismo são nada mais que lamentáveis desculpas para um comportamento que Deus condena e irá claramente julgar. “Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis. Nem fornicadores, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais , nem sodomitas , nem ladrões, avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus” (1Co 6.9-10). Homossexualismo foi condenado por Deus, séculos antes da chegada da lei (e.g., Gn 19). Ele é explicitamente condenado pela lei de Deus (Lv 18.22, 20.13). Como será mostrado, ele é também claramente condenado no Novo Testamento pelo apóstolo Paulo.

O Novo Testamento


O Novo Testamento concorda com, e confirma, a condenação do Velho Testamento da homossexualidade. Alguma passagem da Bíblia pode ser mais clara na condenação do homossexualismo do que a afirmação de Paulo encontrada no primeiro capítulo de Romanos: “Por isso, Deus entregou tais homens à imundícia, pelas concupiscências de seu próprio coração, para desonrarem seus corpos entre si; pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e adoraram e serviram a criatura mais do que o Criador, o qual é bendito eternamente. Amém. Por essa razão Deus os entregou a paixões infames. Pois até mesmo as mulheres mudaram o modo natural pelo que é contra a natureza. Do mesmo modo os homens, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, homens com homens cometendo o que é torpe, e recebendo em si mesmos a penalidade devida pelo seu erro. E por haverem desprezado o conhecimento de Deus, o próprio Deus os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem coisas inconvenientes… os quais, sabendo do justo juízo de Deus, de que aqueles que praticam tais coisas são passíveis de morte, não somente as fazem, mas também aprovam os que as praticam” (Rm 1.24-28,32).

Defensores do comportamento homossexual tentam driblar Romanos 1 alegando que Paulo estava condenando somente a luxúria e promiscuidade homossexual e não as amáveis e monogâmicas relações homossexuais. O problema com essa interpretação pró-homossexual é que Paulo nem sequer sugere tal idéia no texto. Essa idéia, que era pra estar no texto, claramente não está lá. Paulo era um expert em complexos problemas éticos. Sua condenação abrange todas as formas de comportamento homossexual: seja promiscuo, seja monogâmico. Se a homossexualidade é permissível sob certas condições, então a mentira, assassinato, difamação, e outros pecados listados por Paulo também são permitidos sob certas condições? Poderia um apologista do homossexualismo argumentar que o sexo com cabras e ovelhas é permitido desde que o relacionamento seja amoroso e monogâmico?

Outros apologistas dizem que Paulo estava somente se referindo à prostituição cultica grega. Mas o texto não diz nada sobre a prostituição cultica grega. Paulo estava focado sobre o que acontece quando as pessoas enxotam Deus de seus pensamentos e adoram ídolos. Paulo estava discutindo o comportamento pessoal moral. Quando as pessoas abandonam Deus, seu comportamento pessoal se torna perverso. Se Paulo condenou somente a prostituição ritual grega, então porque a igreja primitiva condenou todas as formas de homossexualismo? Por que é que toda congregação de igreja cristã e todas as denominações cristãs condenaram todas as formas de homossexualismo durante quase dois mil anos? Foi só nos anos 1970 que o homossexualismo começou a receber aceitação na sociedade. E não é acidental que as igrejas que mudaram suas visões geralmente façam parte de denominações liberais que rejeitaram a autoridade divina da Bíblia. Se Cristo e os apóstolos aceitaram a homossexualidade monogâmica, então por que ela foi universalmente condenada na igreja apostólica?

A Teoria da Pederastia

A tentativa mais sagaz de repudiar a condenação de Paulo da homossexualidade é a teoria da pederastia. Essa visão afirma que Paulo, seguindo a cultura grega, somente estava condenando a exploração sexual e emocional de jovens por parte de homens. Esta visão assume que Paulo era somente um produto da cultura grega pagã de seu tempo. Mas a Bíblia claramente ensina que Paulo escreveu sob a sobrenatural direção do Espírito Santo (2Pe 3.15-16). Para entender a visão de mundo de Paulo, não se deve olhar para a Grécia ou Roma pagãs, mas para o Velho Testamento, os ensinos de Jesus Cristo e dos outros apóstolos. A condenação de Paulo da homossexualidade é totalmente consistente com, e uma continuação da, lei de Deus revelada a Moisés. A pederastia é errada e é condenada por Deus porque é uma forma ou tipo de homossexualidade. É também pecaminosa e perversa porque é uma forma de sexo fora dos laços do matrimônio legal, monogâmico e heterossexual. O homossexualismo é perverso, não interessa a idade dos participantes. A idéia de que pelo fato de dois homens terem alcançado a idade de 18 anos, Deus aprova o sexo oral e anal que eles fazem é absurda. Paulo condena tal pensamento perverso e tolo há muito tempo: “Mas sabemos que a lei é boa e aquele que a utiliza de modo legítimo, mas sabeis disto: que a lei não foi feita para o que é íntegro, mas para os transgressores e rebeldes, para os irreverentes e pecadores, para os ímpios e profanos, para os assassinos de pais e mães, homicidas, para os fornicadores, para os sodomitas , raptores de homens, para os mentirosos, para os perjuros, e para tudo quanto seja contrário à sã doutrina” (1Tm 1.8-10).

Ato e Orientação


Qualquer discussão da homossexualidade será incompleta sem estabelecer a diferença entre ato e orientação. Muitos homossexuais irão dizer, “Eu nasci homossexual – Deus me faz assim; por isso, meus pensamentos, desejos, e modo de vida não devem ser condenados.” Se algumas pessoas nascem com uma predisposição para o comportamento homossexual, isto faz de alguma forma os desejos e o comportamento homossexual deles aceitável a Deus? Absolutamente não!

A doutrina bíblica do pecado original ensina que todos os homens nascem com uma natureza ou disposição pecaminosa. O primeiro homem, Adão, era o cabeça do pacto e representante de toda a raça humana perante Deus. Quando Adão pecou, a culpa e poluição do pecado passaram à toda a raça humana (Rm 5.12, 17, 19). Cada pessoa (exceto Jesus Cristo que foi concebido pelo Espírito Santo) é nascida com uma natureza pecaminosa. É errado dizer, “Deus me faz um homossexual (ou um mentiroso, ou um assassino),” porque o pecado não se originou com Deus, mas com o homem (i.e., Adão, nosso antepassado).

O fato de que todos os seres humanos nascem com um orientação (ou inclinação) para o pecado não justifica desejos ou comportamento pecaminosos. A Bíblia diz que todos os homens nascem mentirosos (Sl 58.3). A Bíblia também diz que mentir é pecado (Ex 20.16, Dt 5.20); e adiante diz que os mentirosos não entrarão no reino de Deus (Ap. 21.27). Se algumas pessoas nascem com uma inclinação para o roubo, homossexualismo, assassinato, bestialidade, sadomasoquismo, mutilação, etc., isto de forma alguma justifica seu comportamento pecaminoso. O argumento de que a orientação para a homossexualidade de alguma forma a faz aceitável a Deus pode ser usado para justificar qualquer comportamento pecaminoso. Um tal argumento destrói a responsabilidade pessoa; ele tornaria a lei de Deus sem sentido e desnecessária a salvação por meio de Cristo. Todos os homens certamente serão responsabilizados perante Deus por cada pensamento, palavra e ação pecaminosas que cometam, sem importar suas orientações. Culpar Deus pelo comportamento pecaminoso de alguém pode fazer o homossexual se sentir melhor, mas isto irá ser ineficiente no dia do juízo, quando todos os impenitentes homossexuais serão lançados no inferno (1Co 6.9-10, Ap. 21.27). Além disto a Bíblia ensina que nenhum homem pode culpar Deus por seu comportamento pecaminoso, porque Deus não pode tentar o homem. O homem é tentado por seus próprios desejos: “Ninguém ao ser tentado diga, “Fui tentado por Deus’; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, nem a ninguém tenta. Mas casa um é tentado quando engodado e atraído por seus próprios desejos. Então, quando o desejo concebe dá à luz ao pecado, que quando consumado, gera a morte. (Tg 1.13-15).

Alguns afirmam que os atos homossexuais são de fato imorais, mas sentimentos e desejos homossexuais para alguns são inatos e, portanto, inevitáveis e não pecaminosos. A Bíblia ensina que não é pecado ser tentado (Cristo foi tentado, embora nunca tenha cometido pecado, Hb 2.18). O que é pecaminoso é quando uma pessoa abriga aquilo que o tenta, fantasia e faz planos para praticar aquele comportamento pecaminoso. A Bíblia claramente ensina que não somente é um pecado cometer atos maus, mas é também pecado ter desejos e pensamentos imorais, luxuriosos.

Jesus Cristo proibiu a luxúria heterossexual em Mateus 5.27-29. Jesus disse que quando um homem olha para uma mulher com desejo lascivo, ele já cometeu adultério com ela em seu coração (Mt 5.28). A idéia de condenar só o ato externo mas não a luxúria interna era uma doutrina dos Fariseus; Cristo condenou veementemente esse falso ensino (Mt 5.21-22, 15.19-20). O apóstolo Paulo proibiu fantasias perversas, luxúria, e maus desejos (Cl 3.5). Paulo disse que os cristãos devem santificar (i.e., fazer santo) os seus próprios pensamentos (Fp 4.8). Tiago disse que se os desejos não forem controlados, o pecado irá seguí-lo (Tg 4.1). O desejo homossexual está condenado dentro de Romanos 1:.4, 26, 27. O profeta Isaías disse que o arrependimento de alguém deve ser estendido aos “pensamentos” e aos “caminhos” (Is 55.7). Uma vez que a Bíblia condena os desejos e atos pecaminosos, não pode existir tal coisa como um cristão homossexual – ou um cristão assassino ou um cristão ladrão. Se um homossexual se torna um cristão, ele deve deixar de lado tanto atos quanto pensamentos homossexuais; portanto, quando se torna um cristão, ele deixa de ser um homossexual. Ele deve ainda às vezes ser tentado mas ele se recusa a abrigar, a flertar com, e a cometer tais ações abomináveis. “Finalmente, irmão, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é digno de honra, tudo o que é justo, todo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude e se algum louvor existe; pense sobre estas coisas” (Fp 4.8). “Não devemos cobiçar as coisas más, como eles também cobiçaram” (1Co 10.6).

Conclusão


A condenação bíblica da homossexualidade é muito clara e bastante forte. Deus disse que o homossexualismo é uma “abominação”; o que significa que Deus aborrece, odeia e detesta completamente o comportamento homossexual. O Antigo Testamento ensina que as pessoas que são condenadas pelo crime de se envolver em um procedimento homossexual deve ser mortas (Lv 18.22, 20.13). O Novo Testamento está em total acordo: o apóstolo Paulo disse que o comportamento homossexual é “digno de morte” (Rm 1.32). Essa não é a opinião do homem, mas é o claro ensino da Palavra de Deus.

As pessoas que reivindicam serem compassivas com os homossexuais pela justificativa e aprovação de seu comportamento perverso são mentirosos e falsos mestres. Suas tentativas de reinterpretar a Bíblia para fazê-la aceitar o homossexualismo são nada mais que desculpas esfarrapadas criadas para aqueles que não querem se arrepender. Eles estão conduzindo os homossexuais ao caminho que leva à destruição (Mt 7.13). Eles são os verdadeiros inimigos da comunidade homossexual.

Sua única esperança é aceitar o que Deus diz com respeito ao seu comportamento pecaminoso. Se você for se arrepender dos seus pecados e crer em Jesus Cristo, você deve se convencer de que seu procedimento é errado, perverso e digno de juízo. Depois de dizer que os homossexuais não herdarão o reino de Deus, Paulo diz, “Tais foram alguns de vocês. Mas vocês foram lavados, mas vocês foram santificados, mas vocês foram justificados em o nome do Senhor Jesus e pelo Espírito do nosso Deus” (1Co 6.11). Havia cristãos na igreja de Corinto que rejeitavam seu anterior estilo de vida homossexual e abandonaram seus pecados. Eles se arrependeram e creram em Jesus Cristo.

Jesus Cristo, como Ele é apresentado nas Escrituras, é a única esperança de salvação dos pecadores: “Nem há salvação em nenhum outro, pois não há nenhum outro nome debaixo do céu, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos” (At 4.12). Se você crê nEle, todos os seus pecados serão perdoados. “Se com a boca confessares o Senhor Jesus e creres em teu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, você será salvo. Porque com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação. Porque a Escritura diz, ‘Qualquer que crê nEle não será confundido’” (Rm 10.9-11).

O sangue imaculado de Cristo remove a culpa e a maldição do pecado. Sua vida perfeita e sem pecado é dada como um presente àqueles que creem nEle. Quando os cristãos se apresentarem perante Deus no dia do julgamento, eles serão vestidos com a perfeita justiça de Cristo. Os crentes irão para o céu tão-somente em razão dos méritos de Jesus Cristo. Quando Cristo ascendeu da morte ao terceiro dia, isto provou que Seu sacrifício foi aceitável a Deus o Pai. Cristo ressurgiu vitorioso sobre o pecado, a culpa, a morte e o inferno para todos que põe sua confiança nEle. Após sua ressurreição, Cristo, como o mediador divino-humano, foi feito Rei e Senhor sobre todas as coisas no céu e na terra. “Arrependei-vos, portanto, e convertei-vos, para que seus pecados possam ser cancelados, a fim de que tempos de refrigério possam vir da presença do Senhor” (At 3.19-20).

Sobre o autor: Brian Schwertley é mestre em Teologia (Seminário Episcopal Reformado, 1984). Casado há mais de duas décadas com Andréa, é pai de cinco filhos. Ele pastoreia a Igreja Presbiteriana de Westminster de Waupaca, congregação da Igreja Presbiteriana de Westminster nos Estados Unidos. Foi preletor do Simpósio “Os Puritanos” em junho de 2001 no Recife (Brasil). Em português foram publicados, de sua autoria,O modernismo e a inerrância bíblica (São Paulo: Os Puritanos, 2000, 64p.), Sola Scriptura e o Princípio Regulador do Culto (São Paulo: Os Puritanos, 2001, 207p.), O movimento carismático e as novas revelações do Espírito (São Paulo: Os Puritanos, 2001, 58p.).

Mais Comentados

Porque a lei foi dada por Moisés; a graça e a verdade vieram por Jesus Cristo. Jo.1:17
Sua visita ao blog casanarocha é motivo de grande alegria. Que Deus abençoe ricamente.